Participe / Participate

Participe enviando contribuições (filmes, textos, links, dicas, etc ...) para antrocine@gmail.com

Send contributions to antrocine@gmail.com

quinta-feira, 23 de janeiro de 2014

La Abuela Grillo, historia contada milenarmente pelo povo Ayoreo, da Bolívia agora em desenho animado

O mito da Abuela Grillo, conta que no princípio, a avó dos Ayoreos era um grilo chamado Direjná. Era a dona da agua, e onde ela estava, também estava a chuva. Seus netos lhe pediram para que fosse embora. Quando o fez, tudo ficou quente e seco. A avó Grillo decidiu viver no segundo céu e desde lá é capaz de enviar chuva cada vez que alguém conta sua história.

Os Ayoreos sao caçadores-colectores nômades atualmente reduzidos a umas poucas comunidades na Bolivia, Paraguay e no norte Argentino.
........................................
­- ........................................­- ...............................

Hoje nos territórios que se chamam países, como sua maioría democrática que vive no cimento e nao lhes falta a agua, suas cabeças se tornam quase quadradas pelo hábito de nao sofrer carências, nao reconhecem e dao valor a agua como um direito humano, que nao é uma mercadoría, pois os locais de onde sai a agua para as cidades, estao ficando sem ela. A ambiçao de poder ve a massa como baratas e no seu próprio templo tira os dados, se lhes afiam as arestas de um pensamento quase obtuso, mas isso esta mudando.
"O homem novo, está sendo, germinando, e irá más além do homem comum. Esse novo homem que está sendo parido, chegara tao longe..., que a fatiga do homem atual, será feita por suas próprias normas e a sofrerao todos os sistemas que este inventou. Este homem que está nascendo..., irá mais além do que todos os deuses pensados pelos que se tem matado e mais além de todo rezo a uma eterna soledad. Esse homem novo..., é o homem que doara mais aos homens que qualquer homem que se suponha e "creio normal", pois dará aos homens, a terra inteira sem nenhuma bandeira e comprenderá que sob o céu nada pertence a pessoa alguma, ao único que pertenecen hoje, é ao irracionalismo deste sistema de privar o natural, e os recursos, sao de todos e nao sao de ninguém, sao para compartir e esse valor, é superior por cima de qualquer casa que presuma inveja ou ismo ao ego."
http://www.youtube.com/watch?v=F_Msaj...

 Vale a pena ver essa beleza de desenho animado, que representa a poderosa luta dos povos originários contra a mercantilização da natureza.
 

A produção foi feita na Dinamarca, por The Animation Workshop, Nicobis, Escorzo, e pela Comunidade de Animadores Bolivianos. O trabalho de desenho foi realizado por oito animadores bolivianos, dirigido por um francês, com música da embaixadora da Bolívia na França, e a ajuda de um mexicano e uma alemã. Todo juntos na defesa dos recursos naturais.

Corto animado producido en The Animation Workshop en Viborg, Dinamarca, por The Animation Workshop, Nicobis, Escorzo, y la Comunidad de Animadores Bolivianos, el cual tiene el apoyo del Gobierno de Dinamarca.
Animado por 8 animadores bolivianos, dirigido por un francès, musica por la ambasadora de bolivia en Francia, composida por un otro francès, un proyecto danès, ajuda de produccion por un mexicano y una allemana. Adaptado de un mito Ayoreo.

Animated short-film produced in The Animation Workshop in Viborg, Denmark. By The Animation Workshop, Nicobis, Escorzo, and the Community of Bolivians Animators and is supported by the Danish Government. Animated by 8 bolivians animators, directed by a french, music by the bolivian embessador in France, composed by another french, a danish project, hepled for the production by a mexican and german. Adaptaded from mito Ayore.